Saiba Mais Sobre Visto D1 - Atividade Profissional Subordinada

 

Este visto deverá ser requerido no Consulado Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo em território brasileiro, podemos assegurar que é totalmente possível, sair do Brasil com um emprego garantido em terras lusitanas.
O visto será possível desde que o estrangeiro seja convidado para trabalhar em uma determinada empresa em Portugal.
Após a concessão do visto, o emigrante poderá ingressar no país e se radicar em solo português, e o melhor de tudo, com um emprego garantido.
É importante salientar que alguns requisitos deverão ser observados, ou seja, é necessário que o candidato receba uma carta convite da empresa que efetuou o processo seletivo.
Em posse da carta, o selecionado deverá se dirigir ao Consular Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo em sua cidade no Brasil e solicitar o visto de trabalho.


Visto D1 – Para atividade Profissional subordinada

Esta modalidade de visto é destinada aos profissionais que já receberam uma promessa de trabalho.
É importante frisar que a validade desta promessa ou contrato de trabalho, deverá ser superior a 1 ano conforme rege a legislação.
Além disso, é necessária declaração do IEFP (Instituto do Emprego e Formação Profissional).
Este comprovante será enviado pela empresa contratante, ou seja, não será de responsabilidade do selecionado.
Esse comprovante serve para afirmar que a vaga foi divulgada anteriormente, porém não foi ocupada por nenhum português ou membro da União Europeia.

Documentação necessária para dar entrada no visto de trabalho através do Consular Português ou Empresas Terceirizadas pelo mesmo.

• Contrato de Trabalho (com horário de trabalho, cargo, função, nome do empregador, etc.).
• Declaração do IEFP (de responsabilidade da empresa);
• Declaração de pedido de visto;
• Passaporte válido com validade superior a 3 (três) meses;
• Meios de subsistência (comprovantes financeiros, imposto de renda do último ano, etc.);
• Comprovante de alojamento (reserva de hotel ou carta convite);
• Seguro de saúde de Viagem; (não confundir com o PB4, que é gratuito e pode ser solicitado no Brasil, neste vídeo no meu canal do yotube explico sobre as diferenças e particularidades.)
• Certificado de antecedentes criminais (emitido no site da Polícia Federal);
• Duas fotos 3×4 coloridas, com fundo liso e recentes;
• Cópia da Identidade autenticada em cartório autorizado pelo consulado português ou empresas terceirizadas pelo mesmo;
• Carteira de vacinação internacional (solicitar no aeroporto);
• Pagamento do boleto emitido no site do Consulado Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo, referente ao visto.

Qual é a estimativa de tempo para a concessão do visto de trabalho?

Em média de 30 a 90 dias para a concessão do visto de trabalho, após a solicitação no Consulado Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo e a apresentação dos respectivos documentos.
Vale ressaltar que sua solicitação será avaliada e poderá não ser concedida.
Nesse caso só efetue a compra das passagens e consequentemente a reserva de hospedagem após a aprovação do visto.


É difícil, mais é necessário controlar a ansiedade, para evitar prejuízos financeiros que em caso de uma negativa poderá acarretar sérios transtornos.
Cumpre informar, que os interessados em obter o visto de trabalho não podem possuir antecedentes criminais.


Além disso, também não podem ter permanecido ilegalmente no país anteriormente.
Com o visto de trabalho concedido pelo posto Consular Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo é só ingressar no País e começar a trabalhar?
Ainda não....


Ao chegar cá em Portugal, o imigrante deverá em até 3 (três) dias comparecer ao SEF, para apresentar a mesma documentação que apresentou no Consulado Português ou empresas terceirizadas pelo mesmo no Brasil, para que possa verificar a veracidade da documentação.
Agora o próximo ato será a emissão do NIF, (Número de Identificação Fiscal), assemelha-se ao CPF no Brasil.


Para emissão do NIF será necessário um português ou um brasileiro que resida legalmente em Portugal há mais de 6 meses acompanhar o imigrante a uma loja do cidadão ou nas finanças.

Para maiores informações acerca do Visto D1 para Atividade Profissional Subordinada entre em contato conosco

Contato:

Registros:

OAB: 409481 |       OA:  60800P

       Rua Doutor Justino Cruz, 90, 7° Andar, Código Postal 4700-314 - Braga

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram